28.2.08

é um universo barato

antes eu escrevia porque só fazia uma refeição por dia & tinha enjôo. porque andava descalça na universidade & meus tênis eram imundos. porque estava apaixonada. porque tinha lido que. porque ia viajar, estava viajando, tinha viajado. porque tinha uma subida enorme pra chegar no metrô. porque sentia saudade. porque os outros são malditos. porque queria mais. porque minha cortina era remendada. porque peguei gripe. porque uns personagens me vieram sem história. porque é tanto lirismo. porque um dia eu ia casar. por causa da Causa. porque piratas aportando.

aí vejo que a vida é toda escambo de dias, sem seqüência, toda páginas renumeradas na cabeça. por que é que haveria de não escrever por falta de conexão com o Todo, se o todo é baralho baralhado sem naipe nem ás?

vou escrever quem sabe porque durmo acompanhada. porque o porco de bigode. porque sinto saudade. porque meu relógio parou. porque marco pontos num mapa. porque adoro meu trabalho & detesto trabalhar. porque cozinho meravilhas. porque moro do lado da biblioteca. porque tenho um machucado dentro do nariz. porque ando na rua & não me apaixono por nenhum desconhecido. porque a memória. porque tenho bicicleta & só ando de ônibus pra ir visitar meus pais. porque Tem Que Dividir. porque fui embora. porque fiquei. porque em russo as letras são avessas. porque o piano me toca. porque tenho sonhos ruins. porque o twitter é só aquilo. porque os alunos estão lá. porque minhas plantas morrem & ressuscitam. porque quem sabe.

No comments: