18.12.05

sem título nenhum

estende teus sonhos na escada, pra eu deitar os meus por cima. (degrau por degrau). fecha os olhos. amarra teu coração no meu. agora pode ir.

No comments: