4.11.04

never to get home?

nota rápida
ironia do destino ou não, peguei uma carona pra voltar pra casa. com a T., que morou dois anos comigo e tem chiliques nervosos e é distraída e pela primeira vez dirigia pra casa à noite, da unicamp. ela e o sr. seu esposo.

além de viver perigosamente, me perdendo pelos ermos do bairro, com o carro morrendo nas esquinas e ouvindo o casal vinte falar "mor", consegui arriscar a vida do h-h, pois a carona será estendida para ele nas próximas viagens, já que ela 'pegou segurança'. se preparem mortais, pra um teste talvez semanal dos meus nervos.

No comments: