21.1.04

"like the stars and the sun...
is she weird?
is she weird, is she white?
is she promised to the night?"

estou cansada. em vários sentidos.

mal dormi essa noite, madrugada, manhã. fiquei conversando com ela até amanhecer, ouvindo o que eu perdi estando em campinas, e ela, ouvindo o que perdeu estando... estando onde ela esteve.

::olha pro chão, pra parede, pro caderno::

mudei a capa do meu cadernão, agora ele também diz "let us mess with your head", "girlie bohemia" e "i am my own secret admirer". escrevi pouco por lá, considerando a avalanche de acontecimentos & sentimentos que eu andei experimentando.

as últimas semanas passaram feito um dia só, e eu lembro de tudo.

ouvi tanta, tanta coisa nos últimos dias... e tenho vontade de falar mais, de falar pra todo mundo, de falar pra pessoas específicas, mas não sei se querem me ouvir & tenho preguiça.

fiquei no colo do R. e é incomparavelmente melhor do que qualquer outro lugar gostoso em que eu tenha estado. tive idéias mirabolantes de vender certas coisas na rua XV. ensinei meu irmão a cantar hypnotize. liguei pra alguém pra quem nunca tinha ligado antes & a pessoa se espantou & me chamou pelo meu nome talvez pela primeira vez. me viciei em changing rooms. tive vontade de chacoalhar algu?m e gritar "abra os olhos", e nem era a mesma pessoa de sempre. comi feito uma condenada.

como só estou falando merda nesse post, no próximo eu vou passar a limpo um texto mais decente já escrito no cadernão. pra que? porque eu posso, porque eu quero, porque tanto faz pra todo mundo.

No comments: